domingo, 3 de fevereiro de 2013

Trash poetry



















versos
bichados
rolam
no papel b
de bolor
barato

fora
Frank Zappa
ao fundo,
Me segura que vou dar um troço,
do Wally Salomão,
nenhum roteiro
arrumado
zero
efeito especial
nulo
crono/grana

sete palavras nucleares
esperam vaga
no acaso
na fila do poema,
como se esperassem
a vez
na fila do banheiro

trapos nas estrias
de seios murchos,
risos de putas
extenuadas,
melancólicas,
carregadas de
solidão e sacolas,
atrizes decadentes
representam
como ninguém
becos sem saída

fora de circuito
o poema
circula
provocação,
incandescência





Nenhum comentário:

Postar um comentário