segunda-feira, 15 de abril de 2013

Mandala




























Mandá-la
geotântrica
sem tocá-la

Talvez trocá-la
por mandrágora
 ilha isenta de mágoa
ou armadura de nuvens

Desmontá-la
no dicionário-diagrama
diáspora de nomes

Agora
matá-la
afinal
afago
com as mãos
a linha
capaz de apagá-la

Não
melhor
não manchá-la
Que se desmanche
no corpo cósmico

 Mandala
caminho-morada


Um comentário: