domingo, 1 de dezembro de 2013

escrita














abria o compasso
ao círculo
mais vasto
a mão
quase fora da borda
a linha
na fímbria
do papel
derrubava
réguas
lápis
certeza
com vagar
e ângulo exato
falsificava
mapa
de ponta
cabeça
onde se guardava
a chave
curva da morte


Nenhum comentário:

Postar um comentário